terça-feira, 15 de agosto de 2017

Relação
Relacionar-se com o outro
Que é você mesmo
Dura muito
Quanto tempo for necessário
Para que entenda que é somente uma relação
Sem distinção
Que só acaba quando vem de dentro
Um som
Uma canção
Ancestral
Do chamado Amor

domingo, 6 de julho de 2014

compreenda a todos para exercitar a compreensão em si.
ame a todos para exercitar o amor em si.
tenha bons atos para exercita-los em si.

SABEDORIA = fruto positivo dos seus atos.


sexta-feira, 4 de abril de 2014

Ascender

Diante da verdade multiuniversal,
me entrego como parte do todo.
Deixo meus atos erroneos e negativos,
amigos mascarados, pedaços de animais mortos dentro do meu freezer.
Deixo minha camada grossa, minha pele animalizada para seguir nessa estrada ascendente de cores e silencios. Sei que o que me espera estará em harmonia com o meu estado de consciência. Sei que o amor incondicional será minha próxima parada. Obrigada aos amigos astrais por essa ajuda tão sincera. Hei de ao menos fazer jus a esse amor.
Obrigada kika, mãe e pai por todo o apoio básico de sobrevivência.

segunda-feira, 10 de março de 2014

Quem és tu que me envade em pleno verao?
Quem pensa que és para me trazer tanto amor em grande escala?
O que queres do meu corpo?
É corpo ou alma?
Queres luz ou treva?
Amar ou duvidar?
O meu resto ficou para ti
O que faço se não me da espaço para regenerar?
No fundo dos multi universos existe um dia em que ainda retornaremos ao encontro
Ou que talvez enfim sejamos um só.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Elis
minha princesa
meu frutinho
minha linda
minha alegria
meu puro e verdadeiro amor
onde tudo se esconde
e a beleza renasce
nos lembrando o que nos é verdade
és o broto do mundo em harmonia
a moça firme e com delicada alegria
seu coração deve brilhar como um cristal
seu olhos nem consigo pensar...

a vida é o bem contra o mau
a luta diária entre os dois lados de tudo
saiba você que realmente tudo muda quando nos tornamos adultos
essa divisão na vida não foi ao acaso [ aliás, nada é acaso..]
ser adulto é conhecer o que realmente é a vida
é abrir os olhos e enxergar a guerra
é podar as arestas
ligar os pontos
filtrar o necessário
jogar fora o que não for
É COLOCAR SEUS PENSAMENTO EM PALAVRAS
E AS PALAVRAS EM AÇÕES
É TER QUE SER VOCÊ EM ESSÊNCIA EM MEIO AO CAOS
A vida é isso. Quem está afim de viver?

" simples, não fácil "

sábado, 21 de setembro de 2013

O hoje será sempre uma continuidade de tudo o que já foi.
O que foi, cabe a nós nos orgulharmos ou nos arrependermos de termos vivido.
O hoje pode ser sempre um passo a frente do ontem
Mas quando notarmos que o hoje parece estar atrás do ontem,
Reflita.
Note o seu valor.
Orgulhe-se de seu hoje.
Viva-o pensando que ele se tornará ontem.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Quando o só nos acompanha
Observa todas as ações
Fala mais alto que os pensamentos
Grita nas mais belas canções

Pega no nosso pescoço
E empurra lama a dentro
Não se pode mais enxergar
Só se sente o movimento

Mas o que mais surpreende
É quando nos vem uma claridade
Esse só não é Um só
Acompanha toda a humanidade.

domingo, 21 de abril de 2013

Quando se tem falta de amor
o peito dói com dor cruzada
o vazio cheio de saudades
faz o corpo todo esfriar
um olhar
somente um olhar
é capaz de esquentar a alma
de alguém que só quer amar



sábado, 20 de abril de 2013


Jesus toma conta
dessa vida passageira
que me aperta o pescoço
e me faz ser essa história pouco contada.
Meus braços já estão remendados
dos abraços que dei querendo tanto
Meus olhos estão ressecados
dos dias que tanto chorei pelo mundo de esperança infinda
O pulmão ja não está tão bem
dos cinzeiros que me afoguei para observar um sorriso qualquer
O meu coração não mais se cala
Cansado de omitir, de mentir, de engolir e fingir bater devagar
Disse que não quer mais viver
se  tiver de se calar.

sexta-feira, 5 de abril de 2013

O trago eterno

Falta-me o fumo
Falta-me o cheiro
Falta-me o suor
A falta da luz
A falta do sono
A falta de não amar

O que tenho é frio gozo
Um cheiro meu
Sono leve
Tempo que não me acaba mais.

Venha minha cria!
Traga-me o trago mais forte da vida
O trago de ser mãe.


sexta-feira, 22 de março de 2013


o que exteriorizar?
a verdadeira preguiça?
o arrastar de pernas?
o descansar dos meus olhos?
a angustia viciada?
aquilo que não me deixa mais se quer escrever?

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

sábado, 29 de dezembro de 2012

foi o fim
de um novo trajeto
sublinhado com cor forte
será corrido e sensível
serão cabeças se colando
corações desabrochando
nesse pequeno espaço
muitos olhares novos
muita água salgada
pouca superficialidade
chegou a hora dos novos

segunda-feira, 26 de novembro de 2012


nessa idade
posso contar
que estou feliz
abrindo com cuidado
as portas da vida
fechando outras já vividas
misturando os passos
afastando as feridas
é limpeza de dores
é presença querida
agradeço aos amores
e a essa vida sofrida
abandono a antiga
e que sejam bem vindas
as formas sólidas e amigas.

dorme leve
desconfia da minha ousadia
percebe o meu arrepio
se junta ao meu frio
aquece o ventre e rosto
profundo o sonho nos olhos
sem saber o que há no fundo
me afundo no meu fundo ao encontro.

caminhos que em cruz se trilham
cada um carregando o seu potinho
um de um lado com um pouco de fé
o outro com um pouco de caminho.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

é pra você
que hoje eu escrevo
pra você
que eu sinto e canto
é hoje
o seu dia em mim
ternura adaptada
na sutileza dos abraços
dos pés às orelhas
choque mutuo
do parecido
do quase perfeito
é encontro de braços e pernas
umbigos e corações
dentro dessa poesia
não cabe o que não é bom.

se querer
tempo: indeterminado ,mas finito.
Eu danço.
Sim eu encho de amor.
Lanço
O meu, o dele, o dela 
O teu
Perfume.
Misturando-os com aquela
Contagiando o outro.
É mistura braba.
Quando achamos amar só a dois
Estamos amando a todos.
Nos amamos todos os dias.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

O céu dessa manhã eu vejo.
Um pedaço.
Quase uma sacanagem de céu.
E sinto que na realidade ele está bonito.
Pelo cheiro posso reconhecer a sua claridade.
Senti o vento por dentro da minha camisa.
Que me fez querer evitar a cama
Voltar para a cozinha
Comer infinitos frutos
Me afogar em água doce
e pensar mais.

---

Olhando você por uma gravação
Lembrei o que me incomodava
Posso trocar de palavra
Talvez o que eu questionasse diariamente.
Mas não ao ponto do incômodo.
A sua insegurança me fez te perder.
Mas não foi dessas com sentimentos densos.
Foi a insegurança em forma de criança.
Desses meninos bem doces e de olhos de espelho.
Você era um anjo e eu nem te pedi nada.
Hoje só peço que volte.
Talvez eu ainda tenha duas chances.

---

O RITMO
TEMPO E DISTANCIA
PALAVRAS QUE CANSEI
ESCREVENDO PERCEBO
A INUTILIDADE DAS PALAVRAS
AO TAMANHO DOS MEUS PENSAMENTOS
PRECISO ARRUMAR UMA OUTRA MANEIRA
DE PENSAR.


---

Me rendo ao horário dos loucos.
Já são sete e eu me deito.
Adaptar.
Mas sou assim.
Não vou.

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

20+1

Olá mais um
Nova
Divisa
Essa porta
Que espera fechada
Um ano
Para quem merecer
Poder abri-la
Essa caminhada
Que poucos segundos temos para descansar
Poucos também para filosofar

Esse caminho é como se sente.

Hoje completo mais um ano de vitória, graças a Mim e a Mãe .

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

nada quadrado


cara com vértices firmes
mais de mil lados
com cada um seus vértices
e se eu coloco meu dedo neles
você uivará
como quem se perde
nas próprias arestas

Polígamo


de duas, uma.
você
uma ama
outra quer
você um
quer dois
seguramente
duas
mas uma
quer um
você
sem duas, uma.

Ir dormir
com gotinhas de pensamentos
na minha pele
que não foi sua
Dormir com um centímetro de sonho
cheiro docinho
no quadriculado do meu rosto
Ir cansando
fadiga dos meus tabus
exercitarei de hoje em diante essa parte que ainda me arranha os sentidos.

terça-feira, 16 de outubro de 2012


boca murcha
cheia de desejos
explodindo
teorias
teses
vazias
sopro mole
pro alto
pro seu fim.
mirou justamente no seu próprio ponto
fraco.
imito e omito o seu mito.
Tua vida 
é simples
pouco amarga
é cheirosa
tem mil cores
ela te chama
te explica
quer troca
pouca birita
grita louca
quer te ver
mas você
quer só você.

Vida de mentiras? Não. Você de mentiras.